Setor de serviços tem aumento de 3,3% no mês de fevereiro em Mato Grosso do Sul; é oitavo melhor resultado do País

O volume de serviços em Mato Grosso do sul foi de 3,3% em fevereiro, quando comparado ao mesmo mês de 2018. Já em relação à receita, o índice foi um pouco maior, 5,9%. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). MS registrou o oitavo melhor resultado do País, junto com Santa Catarina.

 

O volume de vendas é o índice que realmente aponta se houve melhora no setor, pois demonstra um aumento real de compras, por se referir a unidades físicas. Já a receita nominal pode sofrer influência da inflação, que faz com que ela aumente. Na média nacional, o Brasil registrou 3,8% na comparação com fevereiro do ano passado, 2,9% no acumulado do ano e 0,7% no acumulado de 12 meses.

 

Os segmentos de beleza, lanchonetes, transporte rodoviário de carga, restaurantes e similares registraram aumento em fevereiro, no Estado. Em nível nacional, os serviços profissionais, administrativos e complementares mostraram estabilidade. O único segmento em alta foi o de serviços de informação e comunicação (0,8%).

 

“Mais um índice importante para a nossa economia. Assim como o segmento do comércio, o setor de serviços também vem apresentando melhora, o que nos dá uma perspectiva de crescimento ao longo de todo o ano”, afirma o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de MS (Fecomércio-MS) e do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio-MS (IPF-MS), Edison Araújo.

 

Fonte: Fecomércio-MS