Para Longen, Sebrae Aero Rancho levará oportunidades de desenvolvimento à região

 

Ao participar,ontem, 18, da inauguração do Sebrae Aero Rancho, o presidente da FIEMS, Sérgio Longen, destacou que a nova unidade levará oportunidades de desenvolvimento para os empresários da região e representa mais uma das ações de retomada da economia em Mato Grosso do Sul. Para o líder empresarial, a instituição vem se modernizando para atender da melhor forma possível as micro e pequenas empresas. “Chegar até as empresas, aos bairros é o novo Sebrae. Essa é uma ação contínua de atendimento às empresas e às pessoas. Entendemos que cada vez mais o Sebrae vem se estruturando e levando possibilidade de as empresas poderem melhorar”.

 

A nova unidade integra a estratégia de descentralização do atendimento da instituição em direção aos bairros, que apresentam uma dinâmica própria de comércio e relevante densidade empresarial.

 

Representando o governador Reinaldo Azambuja, o secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel, destacou as ações entre iniciativa privada e poder público para combate à pandemia e também para a preservação de empregos. “Essa união de esforços foi fundamental para que agora possamos ter agora esse momento da retomada da economia e essa nova unidade do Sebrae Aero Rancho é mais uma ação de retomada”.

 

Para Riedel, uma unidade completa de apoio, consultoria e capacitação para micro e pequenos negócios para a Capital ajuda muito. “Aqui temos mais de 3 mil micro e pequenas empresas que vão encontrar no Sebrae um apoio para capacitar suas equipes, melhorar seus negócios. Isso é fundamental para o desenvolvimento e retomada da nossa economia”.

 

Economia de  micro e pequenas empresas é fundamental para o desenvolvimento

 

Segundo o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae e secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, a economia das micro e pequenas empresas é fundamental para o desenvolvimento econômico de Mato Grosso do Sul e de Campo Grande. “O Sebrae mudou a estratégia, chegando próximo aos comerciantes, industriais e pequenos negócios”.

 

Ainda de acordo com Jaime Verruck, a nova unidade traz a possibilidade de um atendimento direto aos empresários, medida importante nesse momento de retomada econômica, em que o empresário tem mudanças substanciais na sua estrutura, como comércio online e necessidade de capacitação. “O Sebrae chega ao bairro para transformar os pequenos negócios. Com isso vamos estar mais próximos do empresário para que ele possa desenvolver seu negócio e gerar emprego”.

 

Já o diretor-superintendente do Sebrae, Claudio Mendonça, destacou que a instituição está ampliando a sua capacidade de atendimento, buscando estar mais próxima do empresário e ouvindo suas necessidades. “O Sebrae está ampliando seu alcance para chegar no público-alvo. É um novo espaço para capacitar os empreendedores, desenvolver o bairro e transformar a região, assim como estamos fazendo no Nova Lima”.

 

Regularização Tributária para apoio aos pequenos negócios

 

Ainda durante o lançamento, o Sebrae realizou a assinatura do Termo de Compromisso do Núcleo Especializado de Regularização Tributária, com a Amems (Associação das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado de Mato Grosso do Sul); Conselho Regional de Contabilidade (CRC-MS); Faems (Delegacia da Receita Federal de Campo Grande; Federação das Associações Empresariais de MS); Procuradoria da Fazenda Nacional em MS e Sescon (Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramentos, Perícias, Informações e Pesquisas).

 

O termo cria um Núcleo Especializado de Regularização Tributária, para atendimento e apoio à regularização de pequenos negócios em municípios sul-mato-grossenses. Entre as medidas, está a implantação de um canal de atendimento “tira dúvidas” com as entidades participantes do Núcleo, para orientação aos consultores do Sebrae que atuam no atendimento às micro e pequenas empresas em questões tributárias.